Por uma maternidade com menos competição e mais amor!

Odeio essa competição existente entre mães. Simplesmente odeio!

Estamos todas vivendo o momento mais lindo de nossas vidas fomos abençoadas com criaturinhas lindas pra encher nossas vidas de felicidade.
E ainda tem algumas mães que acham que o mais importante de tudo é a via de nascimento do bebê,  é o tempo de amamentação, é deixar ou não de trabalhar pra cuidar dos filhos.
Sinceramente, a maternidade pra mim está muito além disso.

Pras "amigas super mães" eu devo ser a pior mãe do mundo. Tive uma cesarea eletiva, amamentei exclusivamente só até 4 meses, trabalho fora e minha bebê fica com a minha mãe.
Algumas dessas não foram escolhas próprias mas hj tenho orgulho da história que estamos traçando.
O que me faz sentir a pior mãe do mundo de verdade, é ver minha filha doente e não poder fazer nada (graças a Deus foram pouquíssimas vezes), é quando ela não quer comer a comida que fiz com tanto amor e cuidado, é estar tão cansada e não poder brincar com ela só mais um pouquinho como ela gostaria...

 Então pra que isso, mães?! Pra que competir se podemos dividir experiências, ou se as experiências e idéias forem diferentes, vamos praticar o respeito?

Deus nos escolheu, somos mães, todas nós! Todas amamos nossos filhos, então somos iguais!!!

------------

Amigas desculpem voltar com um desabafo... mas isso é algo que me irrita mto e em especial nos últimos tempos.

Continuo na correria mas estou preparando uns posts!

Bjos!!!!!!

10 comentários :

  1. Oi Lalah!

    Tbm odeiooooo isso (isso porque ainda não sou mãe!)...mas esses mimimis da internet estão demais....parto normal ou cesárea, a favor ou não do aborto, tomar ou não anticoncepcional, fazer festa de casamento ou so juntar as escovas...ahhhh....vápáp.....rsrs....

    Desculpa, desabafei aqui tbm...mas é que tá um saco, né??

    Beijos!!!
    Gábi

    ResponderExcluir
  2. Oi... posso comentar? Concordo com você! Tive o meu primeiro filho há exatos seis meses, e como você, também já voltei a trabalhar. Às vezes me sinto mal por não ter tempo de dedicar minha atenção à ele, mas o que me importa (e consola) e saber que apesar de não ser perfeita, estou dando o melhor que posso. Acho extremamente desconfortável comentários comparativos de outras mães (principalmente quando perguntam se chorei ao voltar trabalhar). Pra mim, cada mãe, é "mãe-à-sua-maneira" e deve respeitar forma que as outras tem de conduzir sua rotina! Ser mãe é maravilhoso, portanto, não se chateie com essas bobagens! Beijo!

    ResponderExcluir
  3. Lalah,
    Ja te falei pessoalmente e repito aqui: tbm odeio isso. Acho q é uma das piores coisas da maternidade é essa competiçao. Muitas se acham melhores q outras e pior, acham seus filhos melhores q os outros pq andou com nove meses ou falou cedo. No fundo tenho pena dos filhos dessas maes. Seram criados tendo a obrigaçao de serem perfeitos, melhores q os outros.
    E deixo registrado q te acho uma super mae. A Alice tem muita sorte.

    Bjinhos

    ResponderExcluir
  4. Certíssima!!!
    Comparações são horríveis, Deus fez todas nós diferentes e temos que aceitar isso!!!
    Amar o próximo como a nós mesmos, como é difícil!
    Beijos

    www.maisque6.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. tbm odeio e ultimamente ta demais viu é claro que cada uma tem uma opinião mas o respeito pela escolha não existe mais eu sonhava com o parto normal porem tive cesária então graças a Deus pela cesária tive que trabalhar e ele tinha apenas 3 meses e nem por isso não sou uma boa mãe ah esse mi mi enche o saco ..e pior é ver que realmente essa competição vai muito alem disso dó dessas crianças no futuro!

    bjos

    ResponderExcluir
  6. Eu acredito que todas as mães fazem o que acreditam ser o melhor para os filhos, por isso acho que não exista uma fórmula mágica. Não podemos julgar as pessoas por fazerem escolhas diferentes das nossas.
    Também odeio comparações, independente do tipo, pois cada pessoa é um individuo diferente, nem meus filhos que crio da mesma maneira são iguais, ou atingiram marcos de desenvolvimento com a mesma idade.
    É que com essa coisa de todos conectados, todo mundo acaba querendo competir com todo mundo seja qual for o assunto, o povo só quer seguidor e likes.
    É fácil postar dizendo que faz as coisas, conheço muita gente que finge ser o que não é nas redes sociais.
    Eu ando meio cansada de tudo e mal uso mais as redes sociais por isso, só serve pra passar raiva.
    E jamais se sinta culpada por nada, as escolhas que você faz nunca serão com o intuito de prejudicar a sua filha, e é isso que importa, você e seu marido são os melhores pais que a Lili poderia ter.
    Beijos!

    As Aventuras de Enzo e Théo

    ResponderExcluir
  7. é uma chatice mesmo maternar ser mãe não é uma competição de quem faz melhor ,tem tantas mães preocupada com as escolhas de outras, que acabam esquecendo de curtir os próprios bbs bjoooo

    ResponderExcluir